Siga-nos no facebook

Olá.
Nada Será Como Dantes – Reflexão
Como todos sabem o ano de 2017 foi anormal e violento em termos de fogos Florestais. Imensa área ardida, muitos feridos graves e o pior mias de uma centena de mortes.
Nunca se viu e ou constatou no nosso País. Ficamos todos de luto, mantemos o luto e por muitos anos, vamos ter esta desgraça que atingiu muitas famílias a pairar sobre o nosso consciente colectivo.
Por isso, é que nós no Clube de Praticantes de Todo Terreno Turístico da Serra da Lousã, vamos estar mais atentos e sem sombra de dúvida, ter a consciência do que aconteceu em 2017. Negar esta evidência, será porventura, desrespeitar os mortos, as suas famílias e o País. Sim o País como um todo, solidário nas piores alturas, fraterno e sobretudo irmão.
Nada Será Como Dantes, e não vai ser, a consciência colectiva vai sobrepor-se ao interesse pessoal, a exigência da sociedade vai ser intransigente, demolidora e vigilante.
O ano de 2018 e seguintes, não vai ser fácil. O período crítico de incêndios vai ser alargado de acordo com as condições do tempo, onde o IPMA vai ser o fiel, o balizador de toda a protecção civil, dos meios a disponibilizar e das áreas de actuação.
Vamos entrar numa nova fase, em que as proibições vão ser uma constante, a vigilância redobrada e as desconfianças enormes. Não haverá meias-medidas, haverá um maior número de proibições, com normas e critérios implacáveis.
Não descuramos estes factos no futuro e por isso, estamos a ajustar toda a nossa actividade para os nossos Sócios, já a contar com esta nova realidade.
Mais do que nunca, estamos certos que aos poucos caminhamos para uma maior responsabilização de todos nós, e quando escrevemos isso, sabemos bem ao que nos referimos.
Por nós, Clube de Praticantes de Todo Terreno Turístico da Serra da Lousã, vamos fazer tudo para cumprir os alertas, os períodos críticos e todas as notificações, mas também exigimos respeito, direito de opinião, direito de ser ouvido e sobretudo direito de colaboração.
Obrigado a todos, e um abraço fraterno aos Bombeiros de Portugal, aso Sapadores Florestais e a todos que sofreram na pele e na família.
PS: Esta é a nossa reflexão, e não vamos discutir outra….

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers: